Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

aspalavrasnuncatedirei

Há palavras que nunca chegam ao destino...fazem uma longa e amarga travessia pela solidão dos sentidos e morrem na escrita destas crónicas.

aspalavrasnuncatedirei

Há palavras que nunca chegam ao destino...fazem uma longa e amarga travessia pela solidão dos sentidos e morrem na escrita destas crónicas.

GPS Humano

por aspalavrasnuncatedirei, em 01.06.07

 

Imagem Retirada da Internet

 

Após uma análise introspectiva, exaustiva, da minha pessoa, cheguei à brilhante conclusão que me falta um órgão vital ao meu bom funcionamento e que a Natureza se esqueceu de me providenciar. Um GPS. Tudo na minha vida seria mais fácil se este sistema de navegação tivesse sido incorporado nas profundezas do meu ser. Então vejamos: de manhã não perderia tempo a escolher aquilo que me fica menos-mal, escolheria certeira, sem os habituais «este não, porque é curto», «este não, porque é comprido», «este não, porque me faz gorda, «estas não, porque estão muito largas», «esta não, porque é muito decotada», «esta não porque… sei lá porquê». E também não ficaria com aquela cara injusta de «não tenho nada para vestir» mesmo sabendo que não cabe nem mais um par de ligas no roupeiro. Seguidamente, o meu GPS poupar-me-ia algumas arrelias, pela manhã, porque encarregar-se-ia de seleccionar, com precisão, os cereais que os pantufinhas querem comer. Quando arranjo Cérelac querem Nestum, quando arranjo Nestum, querem Estrelitas… e por aí a fora, e o mesmo aconteceria relativamente à roupa. Ao sair de casa, o meu GPS, encontraria facilmente um lugar para estacionar, sem ser preciso deixar o carro a quilómetros de distância. Ao chegar ao comboio, far-me-ia sentar, apenas ao lado de pessoas que soubessem fazer uma viagem em silêncio. Afastaria de mim aqueles parolos, armados em Dom Juan que se metem comigo, com conversas da treta e que começam por perguntar «A menina desculpe, quanto tempo falta para chegar a Oriente?», ou então, «Tem horas que me diga?». E eu, respondo, educadamente, com ar de give me a break, sem lhes dar conversa, mas mesmo assim, eles não percebem. Nas aulas accionaria o meu GPS para utilizar sempre as palavras certas, o diálogo adequado para ensinar aos meus alunos que o futuro se constrói hoje, que as coisas boas da vida não são apanhar bebedeiras descomunais, fumar ganzas, e que fazer sexo não é o mesmo que fazer amor. No final do dia, voltava a accionar o GPS, desta vez para me guiar até ti. Para me ensinar o caminho para o teu coração, para nele me instalar e nunca mais de lá sair. O GPS ensinar-me-ia a dizer as palavras certas, como te tocar, como te demonstrar aquilo que sinto, como te fazer feliz e quando sentisse que te perdias no meu amor por ti, ouviria a voz do GPS dizer“You have arrived”.

 

37 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Favoritos